UNTL pede a Governo 27 mil máscaras

by -45 views

Díli- O Reitor da Universidade Nacional Timor Lorosa’e (UNTL), Francisco Martins, pediu aos ministérios do Ensino Superior, Ciência e Cultura (MESCC) e da Saúde (MS) que apoiassem a UNTL com 27 mil máscaras para serem distribuídos pelos estudantes.

“A Ministra da Saúde disse, hoje, que temos de desinfetar as salas de aula, preparar água para lavar as mãos e usar máscaras. Preciso, por isso, de 27 mil máscaras para distribuir pelos estudantes. Usem o orçamento da covid-19 para as adquirir”, afirmou o reitor, esta terça-feira (02/06), aos jornalistas, no Fundo de Desenvolvimento do Capital Humano, em Colmera, Díli.

Segundo o reitor, o Governo não executou ainda o orçamento da covid-19, apesar de o estado de emergência ter entrado na terceira etapa.

“Com os técnicos do MESCC, identifiquei os locais para as instalações de tanques de água com torneiras nos recintos da UNTL”, disse.

O Ministro do Ensino Superior, Ciência e Cultura, Longuinhos dos Santos, afirmou, por seu turno, que, num encontro convocado com os responsáveis das universidades públicas e privadas em Timor-Leste, todos recomendaram o reinício das atividades letivas presenciais, a promoção de higiene, uso de máscaras e Internet.

“Houve pedidos ao MESCC para que fossem apresentados aos ministérios relevantes, como o dos Transportes e Telecomunicações, a disponibilização da Internet, e ao da Saúde as normas técnicas para as aulas e o uso de máscaras”, disse.

A Ministra da Saúde, Odete Belo, sugeriu, por sua vez, que, em relação ao reinício das atividades letivas, o ensino superior preencha os critérios do MS, como manter a distância social, lavagem das mãos e uso de máscaras.

“Pretendemos afirmar que a doença é perigosa quando afeta os nossos filhos. Precisamos de concordância e cooperação de modo a retomar as atividades letivas. Não devemos deixá-las apenas sob a responsabilidade da educação”, concluiu. (ono)

No More Posts Available.

No more pages to load.