Timor-Leste regista transferência de 93 doentes para hospitais estrangeiros em 2021

by -265 views
Ministra da Saúde, Odete Belo

Díli (Timor Post) – O Ministério da Saúde procedeu, desde o início do ano, à transferência de 93 doentes para centros hospitalares no estrangeiro, sendo que a maioria sofria de problemas cardiovasculares e de doenças oncológicas.

O número registado, segundo a Ministra da Saúde, Odete Belo, aponta para um aumento ainda que ligeiro face ao ano anterior.

“O processo de transferência foram realizado com base nas recomendações da Direção Nacional de Apoio e Serviços Hospitalares. O número de doentes com complicações graves transferidos continua a subir”, disse Odete Belo aos jornalistas, na passada sexta-feira (03/12), no Parlamento Nacional.

Para inverter este cenário, a governante esclareceu que está a ser preparado um centro cardíaco dentro do complexo do Hospital Nacional Guido Valadares.

A ministra revelou, por outro lado, que a tuberculose é uma das doenças com maior taxa de incidência no país.

“Registámos, este ano, mais de quatro mil casos de infeção respiratória aguda, mais de dois mil doentes com diarreia e cerca de mil com pneumonia”, revelou, salientando ainda a escassez  de equipamentos em diversos postos e centros de saúde timorenses.

“Apesare de todas as contrariedades, os profissionais de saúde continuam a garantir os serviços essenciais. Quanto às grávidas, pedimos-lhes que façam o controlo de rotina. Temos 75% das grávidas que estão sob vigilância médica”, concluiu. (res)

No More Posts Available.

No more pages to load.