SSMD regista mais de 400 doentes com dengue desde janeiro

by -149 views
ilustração

DÍLI (Timor Post) – O Serviço de Saúde do Município de Díli (SSMD) registou, desde janeiro deste ano, mais de 400 doentes com dengue, sem reportar, no entanto, nenhum óbito.

A diretora do SSMD, Agostinha Segurado, disse que uma equipa de saúde levará a cabo ações de  sensibilização junto das populações sobre a importância da prevenção de doenças contagiosas, em particular o vírus do dengue, além da distribuição de fármacos.

A responsável referiu ainda que será dada particular ênfase, numa primeira fase, a Díli por ter a maior densidade populacional em todo o país.

Segundo a dirigente, o número de casos de dengue registado neste ano é baixo face ao período homólogo do ano passado em parte devido ao facto de a população em geral ter ganho consciência da importância de se envilver na limpeza em redor das suas habitações.

“Apesar de termos reportado mais de 400 pessoas com dengue, não se registou nenhuma vítima mortal. Houve uma diminuição se compararmos com o mesmo período do ano passado, durante o qual se registara mais de 800 doentes com o vírus do dengue”, disse Agostinha Segurado ao Timor Post, na passada sexta-feira (22/10), no seu local de trabalho, em Formosa.

Segundo a responsável, o serviço municipal não detetou, no âmbito da covid-19, nenhum paciente com dengue em estado grave, pelo que todos tiveram alta.

A dirigente lembrou também que  várias equipas de saúde levam a cabo, anualmente, durante o mês de outubro, ações de sensibilização junto da população sobre a importância do envolvimento de toda a sociedade em ações de limpeza na prevenção da dengue.

“Peço a comunidade que limpe não só o interior das suas casas, mas também à sua volta, dado que o mosquito dá-se bem com a presença de lixo”, concluiu. (res)

No More Posts Available.

No more pages to load.