Só 45% dos portadores de VIH/SIDA timorenses fazem tratamento

by -50 views

Díli- Só 45% dos portadores de VIH/SIDA realizam tratamento, revelou o Secretário-Executivo da Comissão Nacional de Combate à doença, Daniel Marçal.

De acordo com o responsável e com base em dados do Ministério da Saúde até julho deste ano, apenas 543 seropositivos dos 1.051 casos ativos estão a tratar-se.

“Temos reportados casos de VIH/SIDA de 2003 a julho de 2020. O número de seropositivos atinge os 1.194, tendo 143 perdido a vida. Apenas 543 seguem o tratamento. Muitos têm vergonha e escondem-se”, disse o Secretário-Executivo da Comissão Nacional de Combate ao HIV/SIDA, Daniel Marçal, aos jornalistas, na quarta-feira (02/09), em Comoro.

 Para Daniel Marçal, é necessário o esforço de todos para a divulgação de informações que promovam uma procura de terapia antirretroviral.

O responsável lembrou também que o Ministério da Saúde criou centros para tratamento antirretroviral em quatro municípios – Ainaro, Baucau, Covalima e Díli.

“Não tínhamos antes estes centros, mas encontramo-los agora nos municípios de Ainaro, Baucau, Covalima e Díli. Os doentes podem aqui ser atendidos”, afirmou.

Daniel Marçal destacou ainda como positivo o aumento da procura de testes, o que ajuda no controlo da doença.

“Muitas pessoas já procuram os testes e recebem tratamento nestes centros bem como no Hospital Nacional Guido Valadares e na Clínica do Bairro Pité”, referiu, insistindo na necessidade de testagem como forma de prevenção da doença.

Daniel Marçal alertou ainda que, além dos centros, é preciso disponibilizar antirretrovirais nos postos de saúde das áreas rurais.  (res)

No More Posts Available.

No more pages to load.