SEPC alerta para ocorrências de desastres naturais e recomenda proteção

by -195 views
Foto Especial

DÍLI (Timor Post)— O Diretor-Geral da Secretaria de Estado da Proteção Civil (SEPC), o Superintendente Ismael da Costa Babo, alertou para a ocorrência de chuvas fortes ao longo deste ano, de acordo com as previsões meteorológicas da Austrália, que anuncia a possibilidade de surgirem cheias semelhantes às que ocorreram no dia 04 de abril deste ano.

Perante as previsões, Ismael Babo pediu à população que adote medidas de prevenção para mitigar eventuais fenómenos naturais, lembrando que a chuva que caiu recentemente é reflexo das alterações climáticas.

O diretor alerta ainda a comunidade para pôr em marcha a fase de prevenção de forma a precaver possíveis fenómenos naturais, como possuir “uma reserva de alimentos para uma semana e guardar toda a documentação pessoal mais importante”.

“É importante que a comunidade que vive nas encostas das montanhas e nas margens de ribeiras e mais sujeita a fenómenos de derrocadas e de inundações procure um local mais seguro e ligue para a Direção da Proteção Civil para receber imediatamente apoio”, afirmou Ismael Babo, segunda-feira (13/09), no seu local de trabalho, em Caicoli, Díli.

Segundo o responsável, a Secretaria de Estado da Proteção Civil tem coordenado com as linhas ministeriais relevantes, sociedade civil e parceiros de desenvolvimento para darem continuidade às ações de sensibilização junto da população.

Ismael Babo destaca também o papel desempenhado pelos diferentes órgãos de comunicação social e pontos focais destacados nos municípios em estreita parceria com os líderes comunitários de sucos e aldeias no apelo à comunidade para redobrar cuidados em locais de maior risco.

Informou, por outro lado, a necessidade da SEPS garantir o armazenamento alimentar, lembrando que após as cheias do passado dia 04 de abril, os armazéns de vários municípios estavam vazios.

“É preciso garantir a reserva de mantimentos e de água antes de ocorrerem fenómenos meteorológicos extremos”, afirmou.

Relacionada com o artigo 6.º da lei de proteção civil sobre deveres gerais e especiais, Ismael Babo anunciou que quem construir uma habitação nas margens da ribeira ou à beira-mar incorre numa sanção penal.

O Secretário-Geral de Trabalhadores da Libertação Nacional, Agripino Marçal, destacou a importância da SEPC alertar para o perigo de ocorrência de fenómenos meteorológicos extremos.

“Esta ação preventiva e a fase de preparação são fundamentais para acautelar eventuais desastres naturais”, afirmou. (ven)

No More Posts Available.

No more pages to load.