SEAC pede participação de universitários em seminários sobre investigação científica

by -90 views

Díli- O Secretário de Estado da Arte e Cultura (SEAC), Teófilo Caldas, pediu aos docentes e decanos universitários que participassem em seminários sobre o tema da investigação científica que terão lugar no país.

Segundo o governante, a promoção da investigação representa a chave para o desenvolvimento científico-tecnológico de um novo país, como o de Timor-Leste.

“Quero apelar a todos os universitários, sobretudo aos docentes e decanos, que, no caso de se realizarem seminários sobre o tema da pesquisa, deverão participar. A sua participação é vital para adquirirem conhecimentos sobre os vários modelos de pesquisas existentes e, deste modo, poderem dar orientações aos estudantes sobre a forma como efetuar a pesquisa”, afirmou o SEAC aos jornalistas, após a abertura de um seminário sob o tema da pesquisa sobre ciência e tecnologia, nesta terça-feira (10/09), em Balide.

O Secretário de Estado revelou ainda que o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT) pretende criar um manual dedicado a este tema para que possa apoiar as instituições que dele necessitam. Apelou, por isso, à colaboração das universidades timorenses e do INCT na realização de pesquisas de estudantes de modo a que seja assegurada uma investigação de qualidade, divulgando resultados fidedignos ao público.

“Quero pedir novamente a todos que sejam realizadas pesquisas com o selo de qualidade para que possamos fornecer dados fidedignos ao nosso Estado. Precisamos de uma pesquisa científica, senão, qualquer pessoa fala sobre determinado assunto conforme o que lhe vem à cabeça”, alertou.

De acordo com Teófilo Caldas, caberá ao INCT tomar conta da investigação no país.

“Preocupa-me ainda a duração da nossa pesquisa, mas a presença do INCT garantirá que todas as entidades se responsabilizem pela elaboração de qualquer investigação”, afirmou, acrescentando que esta deverá ocorrer entre 2020 e 2021.

Segundo o governante, o INCT coordenar-se-á com os ministérios relevantes para a concretização deste plano. (ono)

No More Posts Available.

No more pages to load.