RAEOA aloca 52 mil dólares para decorações e festas

by -47 views

DÍLI- Fernanda Lay, deputada da Bancada do partido Congresso Nacional da Reconstrução de Timor-Leste (CNRT) no Parlamento Nacional (PN), questionou a capacidade de execução do Orçamento Geral do Estado (OGE) de 2020 por parte das autoridades da Região Administrativa Especial de Oé-Cusse Ambeno (RAEOA).

Fernanda manifestou esta preocupação no âmbito da alocação de quase 52 mil dólares americanos por esta região apenas para festas, “enquanto o povo ainda vive na miséria”.

“O senhor Arsénio Bano disse que vai alocar 52 mil dólares americanos para as decorações e festejos. Quando lhe perguntámos sobre se tinha a certeza desta alocação do OGE, a sua resposta foi sim”, disse Fernanda, esta quarta-feira (18/11), aos jornalistas, na sala da Bancada do CNRT, no Parlamento Nacional, em Díli.

Segundo a deputada, Arsénio informou uma vez que “trabalham de segunda a sexta-feira e os restantes dias são para festas”.

“Perguntei se, naquela festa feita uma vez no aeroporto Rota do Sândalo, também recorreu a fundos do OGE”, afirmou.

O que mais preocupa o CNRT é que a RAEOA alocou neste OGE de 2021 uma verba de 70 mil dólares para as decorações e festas.

“Questionei se o povo também será convidado para os banquetes ou apenas as autoridades é que vão saborear as refeições preparadas para as festas”, concluiu. (f10)

No More Posts Available.

No more pages to load.