População não consome diariamente produtos locais

by -46 views

Baucau – A desnutrição tem vindo a registar uma subida devido ao alto consumo diário de produtos importados em detrimento dos produtos locais, alerta o Diretor em exercício do Serviço de Saúde de Baucau (SSB), Cristiano Cipriano Belo.

“Um dos fatores que contribui para o aumento da taxa de subnutrição é a falta de conhecimento por parte da nossa população, o que a leva a não consumir produtos da sua própria horta e dos arrozais. Preferem alimentar-se só de produtos importados”, afirmou Cristiano Belo ao Timor Post, na terça-feira (17/11), após a abertura da formação intitulada “Agricultura Sensível à Nutrição (ASN)”, destinada aos profissionais de saúde.

Segundo o responsável, apesar da oferta do frango por parte da World Vision, os beneficiários colocaram-no à venda e optaram por comprar o congelado.

Cristiano Belo referiu ainda que, enquanto profissional de saúde, não daria diariamente explicações sobre o trabalho dos extensionistas junto da população, mas prestaria esclarecimentos sobre uma alimentação adequada para as grávidas e as mães que amamentam os seus filhos.

Na mesma linha, a responsável do Programa de Nutrição do Município de Baucau, Luísa Amaral, disse que a formação em causa tem por objetivo dar a conhecer ao pessoal de saúde, nomeadamente aos médicos, enfermeiros e obstetras, os benefícios do recurso a alimentos nutritivos.

“Designa-se por ASN, porque os agricultores plantam e os profissionais de saúde promovem o uso de produtos nutritivos”, referiu.

Também Benvinda Dias Ximenes, obstetra do centro de saúde de Uailili, se mostrou satisfeita com a realização desta formação por se relacionar com o seu trabalho diário e contribuir para um decréscimo da desnutrição no país.

A formação realiza-se entre os dias 17 e 18 deste mês e conta com a participação de profissionais de saúde provenientes de nove centros de saúde deste município. (gut)

No More Posts Available.

No more pages to load.