Pais contribuem para construção de campo de futsal e sala de reuniões da ESG 10 de Dezembro

by -27 views

Díli- O Diretor da Escola Secundária-Geral (ESG) 10 de Dezembro, Domingos Sávio Gusmão, revelou que os encarregados de educação deste estabelecimento de ensino contribuíram com mais de 18 mil dólares americanos para a construção de um campo de futebol de salão (futsal) e de uma sala de reuniões para esta escola.

Segundo o responsável, as escolas públicas em Timor-Leste, incluindo a sob a sua responsabilidade, enfrentam inúmeras dificuldades, pelo que a ESG 10 de Dezembro ponderou a necessidade de contribuição dos encarregados  de educação para a busca de algumas soluções.

“O total do orçamento gasto é de 18.389 dólares americanos, proveniente da contribuição dos encarregados de educação. Esta tem por objetivo responder às necessidades urgentes relativas ao desenvolvimento desta escola”, afirmou o diretor, esta terça-feira (22/12), aos jornalistas, na ESG 10 de Dezembro, em Comoro, Díli.

 O dirigente escolar recordou ainda que os pais dos alunos tinham pedido a construção de campos de basquetebol, voleibol e futsal para que os seus filhos pudessem treinar, melhorando as suas capacidades e talentos desportivos de modo a competir a nível nacional e internacional.

“Os encarregados manifestam a sua prontidão de contribuírem uma vez por ano para dar resposta a algumas dificuldades enfrentadas por este estabelecimento escolar. Pediram ainda que a escola não pare por aqui e, se possível, continue a fazer algo para o desenvolvimento deste estabelecimento de ensino”, referiu.

Acrescentou que os pais apresentaram também um pedido de construção de um posto de segurança para o controlo de entrada e saída de indivíduos e de cidadãos que residem no recinto escolar, visto que estes perturbam as atividades letivas.

“A escola e os pais estão prontos a levar a cabo esta construção de segurança. Pedimos humildemente ao Ministério da Educação, Juventude e Desporto que desse atenção a esta escola, pois envidamos todos os esforços de modo a tentar melhorar o espaço escolar”, pediu.

Já o Ministro da Educação, Juventude e Desporto (MEJD), Armindo Maia, disse que, apesar de as construções serem simples, têm uma enorme importância, pois ilustram a responsabilidade dos pais.

“Os pais conseguiram construir uma sala de encontros e um campo de futsal, no valor de mais de 18 mil dólares americanos. Elogio a contribuição, pois é uma manifestação da sua responsabilidade e também dos professores. A educação cabe a todos, não apenas ao ministério”, concluiu (ono)

No More Posts Available.

No more pages to load.