MGA produz mais de 20 mil plantas de sândalo por ano

by -40 views
Santalum austrocaledonicum âgé de trois ans.

Díli – A Fundação Millennium Green Agro (MGA) produz anualmente em viveiros mais de 20 mil sândalos, que vende entre um e 100 dólares por árvore, dependendo da sua qualidade.

“Podem ser produzidos por ano 21 mil plantas de sândalo bem como dez mil de pau-rosa e de casuarina (ai-kakeu, em tétum)”, revelou o Fundador da MGA, Manuel Nazareth, ao Timor Post, nesta sexta-feira (20/11), no Centro de Convenções de Díli (CCD).

O responsável adiantou que a AMG se dedica também à produção de espécies de fruto de elevado valor comercial, como a manga, laranja, tâmara, fruta-cobra, pitaia e rambutão, com mais de 20 mil plantas por ano.

“Produzimos e vendemos igualmente estas espécies, dependendo da idade de produção. As que já têm um ano custam entre 50 e 100 dólares, por exemplo. No entanto, a mais cara de todas é a tamareira, custando 50 dólares por árvore”, afirmou.

Questionado sobre o apoio do Governo a esta iniciativa, Nazareth recordou que, embora tivessem sido apresentadas várias propostas ao Ministério da Agricultura e Pescas, a resposta “foi sempre negativa”. Decidiu, por isso, produzir e vender diretamente estas plantas ao público sem qualquer apoio do Executivo.

A MGA é uma fundação que tem por missão promover o setor florestal timorense, pois, segundo Manuel, esta vertente é de vital importância para o desenvolvimento do país.

“Oferecemos também formações aos nossos jovens sobre como e onde plantar as árvores, promovendo, assim, o setor florestal timorense. (jxy)

No More Posts Available.

No more pages to load.