MESCC pede aos estudantes universitários que tomem vacina

by -145 views
Longuinhos dos Santos

DÍLI (Timor Post)— O Ministério do Ensino Superior, Ciência e Cultura (MESCC) apelou aos estudantes universitários que tomem as duas doses da vacina para evitar o contágio do vírus da covid-19 em Timor-Leste.

“Faço um apelo a todos os estudantes que ganhem consciência da importância da vacina. Esta é uma forma de prevenção para que as atividades letivas não sejam suspensas durante o regime presencial no futuro”, apelou o ministro, Longuinhos dos Santos, terça-feira (21/09), no discurso de cerimónia de graduação dos estudantes da Universidade Nacional Timor Lorosa’e (UNTL), em Hera.

O Ministro Longuinhos dos Santos afirmou que o combate à pandemia da covid-19 passa por adotar um conjunto de medidas que visam travar a propagação do vírus.

Pediu também a toda a comunidade estudantil da UNTL e às famílias que se desloquem aos centros de vacinação mais próximos para serem inoculados.

O governante lembrou, por outro lado, as vantagens que a vacina traz a toda a população, nomeadamente no que diz respeito à mobilidade.

“Nos países desenvolvidos, onde 70% a 80% dos cidadãos foram já vacinados com as duas doses, puderam retomar a sua vida normal”, disse.

Já o estudante da UNTL, Aniceto de Araújo, disse que, enquanto estudante, tem cumprido as regras sanitárias imposto pelo Governo.

Aniceto recomendou ainda ao Governo, nomeadamente ao Ministério da Saúde, que mantenha as ações de divulgação de informação sobre a plano de vacinação junto da comunidade das áreas rurais.

“Quero solicitar ao Ministério da Saúde que continue a divulgar os objetivos referentes à campanha de vacinação nas áreas rurais, porque os nossos pais desconhecem os benefícios da vacinação”, afirmou.

O jovem estudante pediu também ao Executivo que fossem disponibilizadas vacinas para os jovens entre os 12 e os 17 anos de idade para assegurar um ano letivo sem sobressaltos. (ono)

No More Posts Available.

No more pages to load.