MEJD procede a nova verificação das condições sanitárias na EBC 30 de Agosto

by -33 views

DÍLI- O Vice-Ministro da Educação, Juventude e Desporto, António Guterres, visitou, esta quinta-feira (02/07), a Escola Básica Central (EBC) 30 de Agosto, em Comoro, para proceder a uma nova verificação das condições sanitárias, após o reinício das aulas no mês passado.

“Reiniciámos as aulas já a 18 de junho. O Governo precisa de se adaptar às medidas de prevenção da Organização Mundial da Saúde e, por isso, os ministérios da Educação, Juventude e Desporto e da Saúde devem preparar-se faseadamente”, afirmou o governante, na sua primeira visita a este estabelecimento escolar.

António Guterres lembrou que a equipa do MEJD e Ministério da Saúde já tinham anteriormente verificado as condições sanitárias desta escola, que, na altura, já preenchia os setes critérios da Organização Mundial da Saúde (OMS).

“O MEJD continua a apelar à Escola Central de 30 de Agosto, sobretudo ao diretor, professores, alunos e toda a equipa, que mantenham a cooperação na implementação dos critérios, garantindo a prevenção da covid-19”, afirmou.

Já a Diretora dos Serviços de Saúde do Município de Díli (SSMD), Agostinha Segurado, felicitou a comunidade escolar pelo seu empenho no cumprimento das medidas de prevenção da covid-19 emitidas pela OMS.

“Em nome do Governo, sobretudo do Ministério da Saúde, quero felicitar a escola por manter os critérios, tal como aquando da visita da Ministra da Educação, Juventude e Desporto cessante. Declarei que esta escola preenchia os requisitos e podia reiniciar as aulas. Hoje, é a reverificação. Vemos que esta escola mantém o cumprimento dos sete critérios”, acrescentou.

Agostinha Segurado mostrou-se, contudo, preocupada com o lixo e pediu ao diretor que preparasse um contentor para que os estudantes cuidassem do ambiente neste estabelecimento de ensino.

“É preciso dar prioridade a todo o lixo em geral, pois este poderá acarretar grandes riscos para a saúde pública”, alertou.

Também o Diretor da EBC 30 de Agosto, Filomeno Salsinha, lembrou que o MEJD e MS já tinha verificado as condições sanitárias deste estabelecimento no mês passado.

“No dia 16 de junho, a ministra cessante procedeu à primeira verificação, dando orientações à Diretora dos Serviços de Saúde do Município de Díli para que se reiniciassem as aulas no dia 18 de junho, pois foram cumpridos os critérios de prevenção da covid-19”, disse.

Segundo o diretor, as atividades letivas desta escola estão a decorrer dentro da normalidade. (isa)