Lere quer fecho total das fronteiras

by -117 views

Díli – O Chefe de Estado-Maior das Falintil-Forças de Defesa de Timor-Leste (F-FDTL), Major-General Lere Anan Timur, acompanhado pelos chefes de Estado-Maior, Brigadeiro Falur Rate Laek e Coronel Calisto Coliati, disse pretender o encerramento total das fronteiras devido a entradas ilegais sistemáticas de pessoas em solo timorense.

“As medidas do Governo devem ser implementadas. Todas as fronteiras devem ser encerradas. Ninguém entra e sai. A PNTL e as F-FDTL reforçarão os efetivos de segurança nas zonas fronteiriças”, afirmou Lere, aos jornalistas, à saída de uma reunião com o Presidente da República, Francisco Guterres ‘Lú Olo’, na quarta-feira (27/01), no Palácio Presidencial, no Bairro Pité.

Fez ainda um apelo ao Executivo que tomasse medidas sérias para cidadãos que entram ilegalmente no país por lembrar que as regras aplicadas pelo Ministério da Saúde não são eficientes, como “obrigar as pessoas a confinarem e a darem-lhes comida, juntando-se 14 dias depois à família”.

“O Executivo não pode ser muito tolerante. As entradas ilegais são crimes como os homicídios. Deve, por isso, criminalizar as pessoas que entram ilegalmente”, concluiu. (ven)

No More Posts Available.

No more pages to load.