La’o Hamutuk discorda de atribuição de suplemento remuneratório a profissionais de saúde

by -123 views

DÍLI – O Coordenador da Organização Não Governamental La’o Hamutuk, Celestino Gusmão, disse discordar da atribuição de um suplemento remuneratório aos profissionais de saúde por considerar que o trabalho que efetuam na luta contra a covid-19 faz parte dos seus deveres.

“A meu ver, apesar de o papel dos médicos ser fundamental, constitui-se como uma afirmação patriota e de defesa do nosso país”, afirmou o responsável, no passado domingo (10/05), via telefone.

Celestino Gusmão questionou ainda se o suplemento remuneratório se deve a problemas salariais.

“Não devemos referir se [o salário] é muito baixo ou alto. Acho que, enquanto timorenses, precisamos de dar aquilo que é necessário dar e não aquilo que queremos”, sublinhou.

O responsável considera, ainda assim, que o suplemento remuneratório de 25 dólares é suficiente para apoiar os funcionários da administração pública que trabalham na linha da frente no combate ao novo coronavírus.

Já o Reitor do Instituto Empresarial (IOB, em inglês), Augusto Soares, disse que a decisão tomada pelo Executivo não valoriza o trabalho dos profissionais de saúde na linha da frente na luta contra a covid-19.

“Com um suplemento remuneratório de 25 dólares, não estamos a valorizar o trabalho das equipas da linha da frente. Todos nós conhecemos os perigos do coronavírus para a vida das pessoas”, referiu o Reitor do IOB.

Para Augusto Soares, o Governo não dá importância à vida dos profissionais de saúde.

“Os profissionais de saúde dedicam toda a sua vida, desde o surgimento do primeiro caso, ao combate ao novo coronavírus. Se não fossem eles, quem respondia a esta situação?”, questionou.

O reitor defende assim que cada profissional de saúde deveria receber 50 dólares em vez dos 25 fixados.

Augusto Soares sugeriu, por fim, ao Governo que efetuasse uma análise adequada da remuneração das equipas da linha da frente, caso haja um aumento de novos casos de covid-19. (kyt) 

No More Posts Available.

No more pages to load.