Heineken precisa de 20 toneladas de mandioca para produção da cerveja Liurai em setembro

by -85 views

Díli – O Diretor-Geral da Cooperativa de Café Timor (CCT), Xisto Moniz Piedade, afirmou na segunda-feira (17/08) que a companhia Heineken precisa de 20 toneladas de mandioca em pó para produzir, no próximo mês, a cerveja Liurai.

O responsável lembrou ainda que a CCT já apoiou, desde 2019, a Heineken com 40 mil toneladas de mandioca.

O dirigente recordou ainda as plantações de mandioca nos municípios de Baucau, Bobonaro, Covalima, Lautém, Manufahi e Viqueque.

Questionado sobre a relevância da produção de cerveja de mandioca no país, Xisto sublinhou que é de extrema importância, dado que pode contribuir para a diminuição da taxa de desemprego.

“A empresa criou postos de trabalho no nosso país para recrutar trabalhadores timorenses em idade ativa. Ouvi dizer que a empresa já recrutou cerca de 500”, disse.

“Durante estes últimos tempos, a CCT plantou mandioca nos municípios de Viqueque e Lautém. O terreno de cultivo, com 25 hectares, em Lautém, foi disponibilizado pelo Ministério da Agricultura e Pescas. Dantes, a mandioca provinha de Manufahi e Covalima”, acrescentou.

De acordo com o responsável, a iniciativa da produção de cerveja foi do Primeiro-Ministro, Taur Matan Ruak, quando assumiu o cargo de Presidente da República.

Xisto Piedade adiantou ainda que se encontrou com o Chefe do Governo para abordar o assunto da expansão do terreno de cultivo, visto que a empresa pretende aumentar a produção. (kyt)

No More Posts Available.

No more pages to load.