Governo tailandês concede mais de três mil dólares a Fundação Alola

by -37 views

Díli – A Embaixada da Tailândia em Timor-Leste ofereceu mais de três mil dólares à Fundação Alola para reforçar os grupos de mulheres que se dedicam ao artesanato, melhorando a qualidade e diversidade dos seus produtos bem como a gestão financeira.

O apoio foi simbolicamente entregue pelo Embaixador Designado do Reino da Tailândia para Timor-Leste, Ekapol Poolpipat.

A Diretora-Executiva da Fundação Alola, Maria Imaculada, recordou que a sua organização recebe anualmente um montante do Governo tailandês para promover programas de formação destinados a estes grupos de mulheres, disponibilizando ainda eventos para a venda dos produtos artesanais.

“Após se realizarem várias formações, notou-se uma mudança significativa. Por exemplo, antes, estes grupos artesanais vendiam e produziam só tais e salendas. No entanto, diversificam-nos, agora, com outros produtos, como brincos, carteiras, chinelos e pastas”, revelou a responsável.

Também Ekapol Poolpipat lembrou que a Tailândia apoia organizações timorenses, como a Fundação Alola, desde 2012, com o objetivo de estimular a economia das mulheres timorenses, referindo, como tal, que, neste ano, o apoio se foca na promoção e desenvolvimento da produção artesanal.

O diplomata sublinhou, por fim, o compromisso do seu Executivo de apoiar Timor-Leste em setores que garantam o desenvolvimento sustentável. (*/niz)

No More Posts Available.

No more pages to load.