Governo quer travar subida dos preços com programa Cesta Básica

by -181 views
Ministro dos Assuntos Económicos (MCAE), Joaquim Amaral

Díli – O Governo pretende, no âmbito do programa Cesta Básica, travar a subida dos preços dos bens de primeira necessidade de forma inusitada e sem justificação.

“Ainda não efetuámos nenhuma intervenção face à subida inusitada dos preços dos bens no mercado. Adquirimos já arroz do estrangeiro para avançarmos com o lançamento do programa Cesta Básica. É uma das formas de contornar o problema”, disse o Ministro dos Assuntos Económicos (MCAE), Joaquim Amaral  aos jornalistas, esta terça-feira (29/03), no Ministério das Finanças, em Ai-Tarak Laran.

O governante afirmou ainda que o aumento de preços constitui um fenómeno mundial, pelo que Timor-Leste não foge à regra.

“Para a execução plena do programa Cesta Básica, vão ser necessários disponibilizar imensos produtos locais. A iniciativa tem como objetivo fornecer alimentos à população”, referiu.

O Executivo salientou igualmente que o Centro Logístico Nacional (CLN) adquiriu já cinco mil toneladas de arroz, mas estas ainda não chegaram.

O óleo de cozinha é um dos bens de primeira necessidade cujo preço disparou nos últimos meses, pelo que, o MCAE sugere, em alternativa, aos consumidores que recorram a produtos nacionais.

“Precisamos de consumir o óleo dos produtores locais como o de coco para reduzir a importação deste”, disse.

O ministro apela, por fim, aos empresários para evitarem operações de especulação de preços dos bens de primeira necessidade. (jho)

No More Posts Available.

No more pages to load.