Governo pede a AIFAESA que verifique preço do arroz no mercado

by -63 views

Díli- O Ministério Coordenador dos Assuntos Económicos pediu à Autoridade de Inspeção e Fiscalização da Atividade Económica, Sanitária e Alimentar (AIFAESA) que verificasse o preço do arroz no mercado.

O ministro da tutela, Joaquim Amaral, disse que a AIFAESA tem de se coordenar com as empresas para a especulação de preços ser controlada.

“Peço ao responsável da AIFAESA que verifique o aumento do preço do arroz”, afirmou ao Timor Post, na sexta-feira (08/01), no Palácio do Governo.

O governante garantiu que o Centro Logístico Nacional continua com stock de arroz e o ministério e a AIFAESA controlarão não só quantidade do produto como eventuais subidas de preço.

“Não há problema, pois temos o armazém cheio de arroz. O Governo fará uma intervenção nos mercados para resolver o problema”, garantiu.

Joaquim disse também que o Executivo venderá todo o arroz armazenado no Centro Logístico Nacional, antes de proceder a uma nova importação.

O ministro recordou ainda que a redução de arroz branco no mercado assim como de outros produtos se deve à Cesta Básica.

Relativamente a este programa, o governante garantiu que continuariam a ser distribuídas as cestas, embora a distribuição seja mais faseada devido ao estado de emergência e regras impostas neste período.

Joaquim Amaral apelou, entretanto, aos beneficiários que cumpram as orientações do estado de emergência.

De acordo com o ministro, a distribuição da Cesta Básica está finalizada nos municípios de Ainaro, Aileu, Liquiçá, Lautém, Manatuto e Manufahi e em fase de conclusão nos restantes.  (kyt)