Governo e IOM realizam formação para associações de mulheres sobre violência com base no género

by -52 views

DÍLI- O Governo e a Organização Internacional de Migração (IOM, em inglês), realizam uma formação de três dias sobre a Violência Baseada no Género e a proteção de emergência das vítimas junto de associações de mulheres timorenses de todos os municípios, incluindo da Região Administrativa Especial de Oé-Cusse Ambeno (RAEOA).

O Chefe da Missão da IOM em Timor-Leste, Wenasai Sithole, referiu a necessidade do respeito pelas mulheres.

“É necessário os homens respeitarem e prestarem atenção às mulheres. Estes assuntos são prioritários. É preciso fazer mudanças [em Timor-Leste] através do apoio a mulheres e jovens adolescentes”, disse, em Caicoli.

O responsável pediu a todos que reduzissem a discriminação com base no género em Timor-Leste.

Também a Diretora Nacional da Abordagem Integrada do Género, Capacitação e Empoderamento da Mulher da Secretaria de Estado para a Igualdade e Inclusão, Maria Filomena Babo Martins, recordou que o Governo timorense já efetuou diversas atividades juntamente com os seus parceiros sobre esta questão.

“Temos uma política e estratégia para pôr fim à violência baseada no género em Timor-Leste, através da formação, sensibilização e campanhas anuais de 16 dias, mas a maioria das pessoas ainda não tem conhecimento da proteção de emergência [em casos de violência]”, referiu.

A responsável deu exemplos da necessidade deste apoio, em 2006, quando alguns homens abandonaram as mulheres e os filhos nos locais de refugiados e se viriam a casar novamente. (isa)

No More Posts Available.

No more pages to load.