Familiares de doentes são principais dadores de sangue no HNGV

by -70 views
Foto Especial

Díli (Timor Post) – O Chefe da Unidade do Banco de Sangue do Hospital Nacional Guido Valadares (HNGV), Januário da Cruz Freitas, disse que a maioria dos dadores de sangue é familiares dos doentes.

Em causa está, segundo Januário da Cruz, o facto de o Banco de Sangue ter dificuldade em encontrar voluntários para doarem sangue, pelo que a clínica é obrigada a recorrer aos familiares dos próprios doentes. A medida adotada visa dar resposta às necessidades dos doentes.

Segundo o líder, durante o mês de outubro, o banco recebeu colheitas de 456 dadores.

“Neste momento temos em reserva 410 sacos de sangue, 111 dizem respeito ao tipo de sangue A, 96 ao tipo B, 22 ao AB e 181 ao tipo O. Estes dadores são familiares de doentes que se encontram atualmente internados no HNGV”, disse Januário Freitas ao Timor Post.

O chefe da unidade salientou ainda que as pessoas que queiram doar sangue mas que forem detetadas infeções não lhes serão autorizados a dar sangue.

O dirigente afirmou ainda que a unidade regista uma quebra acentuada nas reservas de sangue, sendo que o grupo sanguíneo mais afetado tem sido o AB.

“Por enquanto ainda temos ainda em reserva vários sacos de sangue. Alguns dadores do grupo sanguíneo AB vieram voluntariamente para darem sangue”, referiu.

Marito Soares um dos dadores voluntários salientou que “viemos para doar sangue para ajudar os doentes que dela necessitam bem como, nos casos mais graves, salvar vidas”. (res)

No More Posts Available.

No more pages to load.