CNRT considera que MEJD não tem seriedade para lidar com crise sanitária

by -50 views
Duarte Nunes

Díli (Timor Post) – A maior bancada da oposição no Parlamento considera que o Ministério da Educação, Juventude e Desporto (MEJD) não adota uma estratégia adequada no setor da educação durante a pandemia.

O deputado do CNRT Duarte Nunes disse que os estudantes são os mais afetados pela crise sanitária no país que começou no ano passado.

Para Duarte Nunes, as atividades letivas online que têm sido implementadas pelo MEDJ não são eficazes, já que muitos alunos não têm condições de acesso.

“Os alunos só podem ter acesso às aulas presenciais. Não dispõem de outros meios”, considerou.

O parlamentar lembrou que, em outros países, embora as atividades presenciais estejam totalmente suspensas, os alunos conseguem manter o ritmo de aprendizagem.

“Se este cenário se mantiver, como vai ser o futuro dos estudantes?”, questionou.

O parlamentar pede ao Governo que não cruze os braços, uma vez que está em causa o futuro dos estudantes.

O MEJD decidiu que as atividades letivas presencias são novamente suspensas a partir de 18 até 31 de agosto, devido ao aumento do número de casos da covid-19.

Também o Ministério do Ensino Superior, Ciência e Cultura ordenou a suspensão das aulas nas universidades, na sequência da decisão do Conselho de Ministros de decretar o confinamento domiciliário. (kyt)

No More Posts Available.

No more pages to load.