CNRT acusa Governo de “encurralar” população e dar prioridade aos funcionários públicos

by -194 views
Plenaria Parlamentu Nasional. Foto Espesial

DÍLI (Timor Post) – O Partido do Congresso Nacional de Reconstrução de Timor-Leste (CNRT) acusa o Governo de “encurralar” a população com a cerca sanitária e confinamento obrigatório, enquanto atribui subsídios de alimentos e de transportes aos funcionários públicos.

A deputada Bendita Magno considera que o Executivo não se preocupa minimamente com a situação da população em geral, visto que aprovou recentemente uma nova resolução, sem que tenha conseguido resolver problemas já existentes.

“Os funcionários públicos recebem mensalmente o seu salário e vão ainda ter direito a receber subsídios. Quem é que vai atribuir subsídios às pessoas que estão alojadas de baixo das tendas?”, questionou Bendita Magno esta terça-feira (21/09), no Parlamento Nacional (PN).

A parlamentar lembrou que o Governo ainda não conseguiu dar respostas a todos os problemas causados pelos desastres naturais nem ao pagamento do subsídio à equipa da linha da frente, pelo que considera “injusta” a aprovação da nova resolução.

“A Polícia Nacional de Timor-Leste (PNTL) e profissionais de saúde exercem a sua função de acordo com a lei, mas o Governo esqueceu-se dos seus direitos” salientou.

Bendita Magno questiona igualmente a capacidade da gestão do Executivo na implementação de iniciativas aprovadas.

“O Executivo só sabe aprovar [os decretos], mas revela insuficiências na sua gestão ao implementar aquilo que foi aprovado”, lamentou.

Recorde-se que o Conselho de Ministros aprovou, esta segunda-feira, o projeto do decreto-lei sobre a concessão de subsídios de alimentação e de transportes aos funcionários públicos.

O Ministro da Presidência do Conselho de Ministros (MPMC), Fidélis Leite Magalhães, explicou que serão atribuídos 25 dólares americanos aos funcionários públicos, 50 dólares aos chefes de secção, 75 dólares aos diretores nacionais e 150 dólares aos diretores gerais. (kyt)

No More Posts Available.

No more pages to load.