Cidadão timorense regressa a centro de quarentena no Suai após detenção

by -26 views

DÍLI-O cidadão timorense José Cardoso regressou de novo ao centro de quarentena no Suai, após ter fugido no passado sábado (17/10) para assistir e participar numa luta de galos que decorreu num mercado local.

Segundo informações que o Timor Post apurou, José Cardoso foi visto a regressar a casa dos seus avós, transportando consigo um galo morto e outro vivo ao colo.

A comunidade da aldeia de Ai-Oan, no suco de Lalawa, entrou posteriormente em contacto com a polícia para a avisar do seu aparecimento. Ao chegar à residência, foi detido por elementos da polícia por volta das 15h30 e entregue aos profissionais de saúde a fim de cumprir na íntegra a quarentena.

O Chefe da Aldeia Ai-Oan Manuel Amaral, em declarações ao Timor Post via telefone, contou que José Cardoso tinha entrado ilegalmente em Timor-Leste pela fronteira terrestre por ter alegadamente causado vários problemas em Alas, Atambua, na Indonésia.

Também o comandante da Polícia de Operações do Município de Covalima, Gaspar Mendonça da Costa, recordou que, em 2018, a polícia registou o nome de José por ter igualmente causado inúmeros problemas, nomeadamente entradas e saídas ilegais na fronteira com a vizinha indonésia.

“Após ter entrado ilegalmente, a comunidade acabaria por deter José em Salele, Sukabi Laran, e informar a Unidade de Patrulhamento da Fronteira (UPF) bem como o pessoal de saúde”, afirmou. (Júlio Soares)

No More Posts Available.

No more pages to load.