CCI-TL: Empresas fortemente penalizadas por problemas no desenvolvimento nacional

by -56 views

Díli – O Vice-Presidente da Câmara de Comércio e Indústria de Timor-Leste (CCI-TL), João Alves, considera que, nos últimos três anos, o setor privado tem sido fortemente penalizado pelas fragilidades do desenvolvimento nacional.

“Durante estes três anos, não se registou qualquer crescimento. Nada. Embora constitua um dos pilares de extrema importância para o desenvolvimento nacional, o setor privado sofreu muito com esta situação”, disse o líder, numa mesa redonda sob o tema ‘Definição do papel dos setores público e privado na recuperação económica’, que ocorreu no passado dia 22 de dezembro, no Hotel Novo Turismo, em Lecidere.

João Alves mostrou-se ainda preocupado com a política de Recuperação Económica por considerar que a medida não evidencia muita clareza.

“O que é que pretendemos recuperar? Qual será o primeiro assunto que devemos resolver? Serão as principais vítimas da ausência de desenvolvimento ou as questões gerais?”, questionou.

Segundo o responsável, o Produto Interno Bruto (PIB) constitui igualmente um assunto de grande relevo para o crescimento económico do país.

“Timor-Leste depende só do Fundo Petrolífero e dos produtos importados. Então, temos de dar prioridade ao PIB para que possamos elevar a produção local. A Cesta Básica, por exemplo, para mim, é um ótimo programa. Apesar disso, os distribuidores continuam a adquirir produtos importados para fornecer à população devido à falta de bens alimentares produzidos no país”, concluiu. (jho)

No More Posts Available.

No more pages to load.