Austrália apoia 150 sucos de TL com cerca de 4,6 milhões de dólares

by -19 views

DÍLI- Os Governos timorense e australiano assinaram, esta quarta-feira (26/05), um acordo que permite o apoio da Austrália, no valor de sete milhões de dólares australianos (cerca de 4,6 milhões de dólares americanos), à resiliência comunitária e a recuperação económica em 150 sucos de Timor-Leste durante a crise provocada pela covid-19.

“O Executivo australiano apoia financeiramente o Programa Nacional de Desenvolvimento dos Sucos (PNDS) com um montante de sete milhões de dólares australianos”, afirmou a Ministra das Finanças, Sara Lobo Brites, em Aitarak-Laran, Díli.

A governante adiantou que o orçamento será transferido diretamente para a conta bancária do PNDS para que se possam reduzir “os processos administrativos e, sobretudo, criar mais eficiência, pois vive-se numa situação de covid-19 em que é precisa uma injeção [de verbas] mais rápida”.

“Estas verbas serão entregues aos sucos para reforçar a resiliência [comunitária] e recuperação da economia, através da obtenção de rendimentos. Permitirão construir infraestruturas, como irrigação, água canalizadas e clínicas”, acrescentou.

Também o Embaixador da Austrália em Díli, Peter Roberts, referiu a importância do acordo para estes sucos timorenses, confirmando que o apoio se fará sentir sobretudo ao nível das infraestruturas básicas.

“Estamos muito satisfeitos por marcar presença hoje aqui para assinar este novo acordo que visa oferecer diretamente um montante de sete milhões australianos para apoiar a comunidade através do Programa Nacional de Desenvolvimento dos Sucos”, afirmou.

Recorde-se que o Governo aprovou, no Conselho de Ministros do dia 21 de maio, a autorização para a celebração deste acordo. (isa)