Armindo Maia compromete-se a resolver problema de professores contratados

by -32 views

Díli – O Ministro da Educação, Juventude e Desporto (MEJD), Armindo Maia, comprometeu-se a resolver os problemas dos professores contratados e voluntários em todo o território.

“A situação destes professores é um grande problema, pois Timor-Leste dispõe de cinco mil docentes contratados e 500 voluntários”, disse Armindo Maia aos jornalistas, na terça-feira (22/12), em Comoro.

O governante garantiu igualmente que, apesar de não deixar todos os constrangimentos resolvidos, envidará esforços para os contornar gradualmente.

Já o Diretor da Escola Secundária-Geral 10 de Dezembro, Domingos Sávio Gusmão, pediu ao MEJD que desse prioridade ao assunto em causa, visto que, segundo o responsável, cabe aos professores voluntários substituir os contratados, caso estes frequentem formações.

“Há oito anos que os professores contratados aqui trabalham e os voluntários há seis. No entanto, estes ainda não foram colocados nos quadros pelo ministério”, lamentou.

Domingos Sávio lembrou, por último, que o seu estabelecimento escolar dispõe de 13 professores, sendo que sete são contratados e os restantes voluntários. (ono)

No More Posts Available.

No more pages to load.