Académico da UNPAZ sugere ao CFJJ seleção de candidatos com competências de investigação

by -149 views
UNPAZ

Díli (Timor Post) – O académico da Universidade da Paz (UNPAZ) Júlio dos Santos pediu ao Centro de Formação Jurídica e Judiciária (CFJJ) que proceda ao recrutamento de candidatos a juízes, defensores e procuradores com provas dadas na investigação.

“Ao recrutarmos novos candidatos a juízes, defensores e procuradores, devemos valorizar aqueles que possuem competências na área da investigação para saberem lidar com a variedade de crimes cometidos em Timor-Leste”, disse Júlio dos Santos ao Timor Post, esta segunda-feira (06/12), no seu local de trabalho.

Apesar de o docente elogiar o Governo pelo facto de ter recrutado candidatos timorenses licenciados na área de direito para trabalharem no setor da justiça, aconselhou ao Conselho Superior da Magistratura Judicial que fossem selecionados os candidatos que detêm um vasto conhecimento e experiência na área da justiça.

Assim sendo, Júlio dos Santos propõe ao Executivo que invista no reforço da capacitação dos magistrados, defensores e procuradores para garantir uma melhor eficiência da justiça timorense.

“Importa continuarmos a desenvolver o setor da justiça através de mais formações direcionadas aos atores judiciais. A garantia da qualidade da justiça passa por fornecer novas ferramentas a juízes, procuradores e defensores públicos no que diz respeito à área da investigação”, referiu.

Segundo o académico, tiveram lugar, nos últimos anos,  várias alterações no processo de julgamento em tribunal com vista a reduzir o número de casos pendentes que perduram há mais de uma ano.

“Os atores judiciais, como o tribunal, Ministério Público, Defensoria Pública e Advocacia devem trabalhar com a PCIC e a Comissão Anti-Corrupção (CAC) para não só lidarem da melhor forma possível com os crimes existentes no país como assegurarem a conclusão dos inúmeros casos pendentes nos tribunais”, concluiu. (jxy)

No More Posts Available.

No more pages to load.