ADVERTISEMENT

UNPAZ inicia aulas presenciais, MESCC diz ser necessário decreto do Governo para retomar atividades letivas

Timor Post - Jeral
  • Share

Díli – O Ministro do Ensino Superior, Ciência e Cultura (MESCC), Longuinhos dos Santos, alertou que, apesar de a Universidade da Paz (UNPAZ) ter retomado as atividades letivas devido ao alívio das restrições do estado de emergência, é necessário um decreto do Governo para que as atividades letivas possam ser retomadas.

Longuinhos dos Santos referiu ainda que tanto as universidades públicas como as privadas deverão aguardar a decisão do Governo, antes de retomarem as aulas.

ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA

“As universidades públicas e privadas precisam de aguardar a decisão do Governo, através do MESCC. Até o próprio ministério ainda está a aguardar o decreto do Executivo”, afirmou.

O governante pediu, por isso, à Organização Mundial de Saúde (OMS) e ao Ministério da Saúde (MS) que fossem divulgadas recomendações relativas às medidas de resposta à covid-19.

Lee Mós:
Sobrelotação das urgências no HNGV - doentes sem cama

“Isto é muito importante. Não é uma brincadeira. Antes das aulas presenciais terem início, o ensino superior, privado e público, deverá pedir recomendações ao Ministério da Saúde bem como ao CIGC”, acrescentou.

Já o Reitor da UNPAZ, Adolmando Amaral, afirmou, esta quinta-feira (28/05) que, embora tivessem decidido retomar as atividades letivas, continuavam a cumprir as regras sanitárias impostas pelo estado emergência, como a lavagem das mãos ao entrar e sair da sala da aula, uso de máscaras e distanciamento social.

O dirigente referiu ainda que todas as salas de aula, mesas e cadeiras tinham já sido desinfetadas, antes do recomeço das atividades letivas, uma vez que os finalistas da UNPAZ têm trabalhado em parceria com o Centro Integrado de Gestão de Crise (CIGC).

Lee Mós:
Governo discute Lei de Enquadramento do OGE e Gestão Financeira Pública

Segundo o reitor, a universidade já procedeu também à instalação de dez tanques de água para os estudantes poderem lavar as mãos.

Adolmando Amaral lembrou, de igual modo, que tinha antes emitido várias notificações a cada faculdade a comunicar que os alunos tinham de regressar a Díli para voltarem a frequentar as aulas.

O reitor recordou também que, segundo o Primeiro-Ministro, Taur Matan Ruak, as medidas de extensão do estado de emergência não prejudicarão as atividades no país, pelo que  as atividades letivas poderão ser retomadas.

Lee Mós:
‘Lú Olo’ pede ao Ministério Público cumprimento da lei

“Apesar de cada sala de aula ter capacidade para receber 40 estudantes, dividimos agora por turnos. Metade da turma tem aulas de manhã e outra à tarde. Já pedimos aos docentes que dessem aulas duas vezes por dia”, explicou.

O Timor Post pôde observar que inúmeros alunos estavam já presentes no campus da universidade, cumprindo as regras de prevenção e de combate ao  novo coronavírus, como o uso de máscara, distanciamento físico e lavagem das mãos. (ono)

 323 total views,  3 views today

Oinsa Ita nia Reaksaun iha Notisia Nee?
Like
Love
Haha
Wow
Sad
Angry
You have reacted on “UNPAZ inicia aulas presenciais, MESCC diz ser …” A few seconds ago
  • Share
ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA


Notisia Timorpost Seluk


Komentariu :
Timorpost.com. Respeita tebes Ita Nia opiniaun. Laran luak no uza etika bainhira hatoo opiniaun. Opiniaun iha Ita Nia responsabilidsde, tuir lei ITE.

Varanda
Kategoria
Video
Buka
Watch
Facebook
error: